O som verde e amarelo da terra: a filial do Museu de Música Brasileira em São Paulo

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2024-06

Tipo de documento

Monografia

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Área do conhecimento

Modalidade de acesso

Acesso aberto

Editora

Autores

SOUSA, Henrique Martineli

Orientador

MELLO, Caroline Ferreira

Coorientador

MELLO

Resumo

O presente trabalho consiste no desenvolvimento de uma Filial do Museu de Música Brasileira na cidade de São Paulo, especificamente no bairro do Parque São Jorge, Zona Leste do município. Com sua sede originária em Salvador, Bahia, o intuito da elaboração deste projeto é promover e ampliar o acesso à história e a cultura nacional, na prerrogativa de salvaguardar o patrimônio da música brasileira através de um programa arquitetônico disruptivo e descentralizado dos eixos culturais previamente estabelecidos na grande cidade de São Paulo, na mesma medida que procura incentivar o contato da população com a música por meio de novos espaços propostos para oficinas e apresentações musicais na bairro escolhido. Diante das necessidades, portanto, a proposta surge como uma ideia que busca a ressignificação da música como elemento contemplativo e potencializador para o desenvolvimento socioeconômico e cultural da região.

Palavras-chave

Música, Museu, Cultura, Parque São Jorge, Tatuapé

Citação