SESC Bandeirantes: Uma unidade SESC em Santana de Parnaíba

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2024-06

Tipo de documento

Monografia

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Área do conhecimento

Modalidade de acesso

Acesso aberto

Editora

Autores

SOUZA, Victor Gilberto Chica

Orientador

SCHROEDER, Fanny

Coorientador

Resumo

Os desafios urbanos da preservação do patrimônio cultural e histórico nas cidades contemporâneas são evidentes. À medida que as cidades crescem e evoluem, o equilíbrio entre o progresso e a manutenção da identidade e do legado histórico torna-se uma questão crítica. Santana de Parnaíba, um município situado no Estado de São Paulo, Brasil, reflete esse dilema, pois abriga um centro histórico de valor inestimável em meio a mudanças urbanas modernas. Este estudo visa aprofundar-se nessa questão desafiadora. A relevância dessa pesquisa é evidente ao considerar a necessidade de preservar a rica herança histórica de Santana de Parnaíba e, ao mesmo tempo, desenvolver soluções urbanas que atendam às necessidades da sociedade contemporânea. A cidade é dotada de uma arquitetura do século XVII notável, mas enfrenta pressões para acomodar demandas por infraestrutura, cultura e lazer. A justificativa da escolha desse tema baseia-se na importância de encontrar um equilíbrio entre a preservação do patrimônio e a criação de espaços que beneficiem a comunidade. Este projeto tem como objetivo principal a viabilidade da criação de uma unidade do Sesc (Serviço Social do Comércio) em Santana de Parnaíba. Através deste estudo, busca-se compreender como a introdução de uma instituição como o Sesc pode contribuir para a preservação do patrimônio histórico da cidade, promover o acesso à cultura e fornecer espaços multifuncionais que atendam às necessidades da comunidade local.

Palavras-chave

SESC, Santana de Parnaíba, Bandeirante~s, Centro histórico, Restauro, Cultura

Citação