Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/12703
Título: Dosagem dos níveis de lactato e glicose séricos em pacientes classificados como urgência ou emergência atendidos no HVU
Autor(es): Lima, Monique Rosso
Orientador: Assumpção, Anderson Eberhardt
Tipo de material: Artigo Científico
Data: 2017
Palavras-chave: Sepse
Hiperlactatemia
hipoperfusão
Glicemia
Modalidade de acesso: Acesso aberto
Resumo: The aim of the study was to evaluate serum lactate and glucose values and to compare them with the prognosis of the animals. Fifteen samples of canines were analyzed in an emergency or emergency state attended at Unisul Veterinary Hospital. Four blood samples were collected at four different times. The first was performed after stabilization the animal, the second six hours after the procedure was surgical or only therapeutic, the third twelve hours and 24 hours after the procedure performed on the animal. The animals were divided into two groups: group 1 (adults) aged up to seven years old, 33.33% (5/15) and group 2 (elderly) aged over seven years, 66.66% (10 / 15). The glucose values remained within the reference values in group 1 and group 2, except for the collection of 24 hours in group 1, where hypoglycemia was present. The value of lactate for group 1 showed hyperlactatemia only in the pre-collection, while still had the condition, but normalized in the others. In group 2, hyperlactatemia remained light (2.5 to 4.0 mmol / L) during all collections. All animals survived the first 24 hours, which is 100%, suggesting that lactate interpretation alone is not a good prognostic marker.
O estudo teve como objetivo avaliar os valores de lactato e glicose séricos e comparar com o prognóstico dos animais. Foram analisados 15 amostras de caninos em estado de urgência ou emergência atendidos no Hospital Veterinário Unisul. Foram realizadas quatro coletas de sangue, em quatro tempos diferentes. A primeira era realizada após a estabilização no animal, a segunda seis horas após o procedimento seja ele cirúrgico ou somente terapêutico, a terceira doze horas e 24 horas após o procedimento realizado no animal. Os animais foram divididos em dois grupos, sendo o grupo 1 (adultos) com idade até sete anos, 33,33% (5/15) e grupo 2 (idosos) com idade acima de sete anos, 66,66% (10/15). Os valores de glicose se mantiveram dentro dos valores de referência no grupo 1 e grupo 2, exceto pela coleta de 24 horas do grupo 1, que houve presença de hipoglicemia. O valor médio de lactato para do grupo 1, mostrou hiperlactatemia somente na coleta pré, enquanto ainda possuía a afecção, porém normalizou-se nas demais. Já no grupo 2, a hiperlactatemia se manteve leve (2,5 a 4,0 mmol/L) durante todas as coletas. Todos os animais sobreviveram as primeiras 24 horas, ou seja, 100%, sugerindo que a interpretação do lactato isoladamente não seja um bom marcador prognóstico.
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC_MoniqueRossoLima.pdfPDF Artigo Científico Monique Rosso Lima459.32 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons