Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/14481
Título: Câncer de próstata e o profissional farmacêutico: desenvolvendo linhas de cuidado
Autor(es): Silva, Erivaldo
Orientador: Pacheco, Fabio
Tipo de material: Monografia
Data: 13-Jul-2021
Palavras-chave: Câncer de próstata
Cuidado farmacêutico
Farmacêutico na oncologia
Modalidade de acesso: Acesso aberto
Resumo: Introdução: O câncer é o principal problema de saúde pública no mundo, ocupando um lugar entre as quatro principais causas de morte prematura. O câncer de próstata atinge homens, em sua maioria, (75%) a partir dos 65 anos, possui de uma evolução clínica silente e apresenta uma alta complexidade farmacoterapêutica, devido aos frequentes e intensos efeitos colaterais relatados. O farmacêutico é o profissional habilitado para atuar na oncologia, seja de forma administrativa ou clínica. Por esta razão, o presente trabalho busca conhecer aspectos da atuação farmacêutica no câncer de próstata Metodologia: trata-se de um estudo descritivo no qual foi realizada uma revisão da literatura científica, nas bases de dados SiELO, Lilacs, PUBMED/ medline, e google acadêmico. Foram utilizados os seguintes descritores: "pharmaceutical care"; "prostate cancer", “atenção farmacêutica”; “câncer de próstata”; “cuidado farmacêutico”. Os estudos incluídos tiveram a limitação temporal entre os anos de 2010 a 2020. Resultados: A triagem inicial permitiu a identificação de 4.081 títulos. Destes, 2,2 % (n=89) pertenciam ao LILACS, e 97,8% (n= 24.670) ao Google Acadêmico. Após a triagem, foram lidos 22 artigos na íntegra, os quais, juntamente com a literatura complementar, foram as ferramentas para este estudo. No que diz respeito ao delineamento do estudo, 77,2 % (n=17) se referem a revisão bibliográfica, 4,5% (n=1) , 9,0% (n=2) se tratavam de analise documental e 9,0% (n=2) foram livros. Os estudos abordaram a possibilidades diagnostica e terapêuticas para o câncer de próstata, os principais agentes mutagênicos que diariamente o homem se expõe e a contribuição da assistência farmacêutica na oncologia; Conclusão: o farmacêutico agrega atitudes, habilidades e responsabilidades no acesso, qualidade e segurança da farmacoterapia do paciente portador de câncer de próstata, delineando intervenções em conjunto com a equipe multiprofissional, e em acordo com o paciente, permitindo a identificação, prevenção e resolução de problemas relacionados a medicamentos, buscando amenizar reações adversas e melhor a qualidade de vida do paciente.
Aparece nas coleções:Farmácia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC completo erivaldo revisado.pdf2.31 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons