A importância do exercício físico para gestantes

Nenhuma Miniatura disponível

Data

2022-12-07

Tipo de documento

Artigo Científico

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Área do conhecimento

Ciências da Saúde

Modalidade de acesso

Acesso aberto

Editora

Autores

Magalhães, Anderson Thadeu Nader
Schmitt, Nathália Daniella
Alves, Vanessa Costa

Orientador

Arruda, Thiago

Coorientador

Resumo

A gravidez é um evento único na vida de muitas mulheres, onde só elas podem desfrutar de dar vida a um ser humano. Porém, a gestação gera tanto modificações fisiológicas, podendo ocasionar diversos problemas como: Hipertensão arterial crônica, diabetes gestacional, obesidade, insuficiência cardíaca ou renal, como alterações estruturais porque o centro de gravidade do corpo da mãe muda em decorrência do crescimento uterino, o que pode exacerbar problemas posturais como aumento da lordose lombar, anteroversão pélvica, frouxidão ligamentar e perdas de equilíbrio durante a marcha. O objetivo deste artigo foi apresentar as várias mudanças físicas e fisiológicas que as mulheres grávidas enfrentam e o papel do exercício físico na prevenção de doenças metabólicas como obesidade e diabetes gestacional, problemas físicos como dor lombar e perda de equilíbrio, redução do estresse, ansiedade e depressão, melhorando sua qualidade de vida, saúde e independência. Além dos benefícios maternos, o exercício durante a gravidez demonstrou ajudar a prevenir nascimentos prematuros e riscos de doenças como obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares ao longo da vida na criança. Assim, é compreensível que um treinamento físico bem prescrito com especialistas em esportes que gerenciem adequadamente a carga de treinamento em cada período da gravidez, juntamente com o trabalho de nutricionistas, psicólogos e médicos na determinação de dietas adequadas, contribua para a saúde e vitalidade para a mãe e seu filho.
Pregnancy is a once-in-a-lifetime event for many women, where only they can enjoy giving life to a human being. However, pregnancy generates both physiological changes, which can cause several problems such as: chronic arterial hypertension, gestational diabetes, obesity, heart or kidney failure, as well as structural changes because the center of gravity of the mother's body changes as a result of uterine growth, which it can exacerbate postural problems such as increased lumbar lordosis, pelvic anteversion, ligament laxity, and loss of balance during gait. The purpose of this article was to present the various physical and physiological changes that pregnant women face and the role of physical exercise in the prevention of metabolic diseases such as obesity and gestational diabetes, physical problems such as low back pain and loss of balance, reduction of stress, anxiety and depression, improving their quality of life, health and independence. In addition to maternal benefits, exercise during pregnancy has been shown to help prevent premature births and lifelong risks of diseases such as obesity, diabetes and cardiovascular disease in the child. Thus, it is understandable that a well-prescribed physical training with sports specialists who adequately manage the training load in each period of pregnancy, together with the work of nutritionists, psychologists and doctors in determining adequate diets, contributes to the health and vitality of the mother and her son.

Palavras-chave

Gravidez, Exercício físico, Alterações fisiológicas, Sedentarismo, Qualidade de vida, Prevenção de doenças, Profissional de educação física

Citação