Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/12715
Título: Estudo retrospectivo da incidência de Salmonella spp. em cortes de carne suína nos abatedouros frigoríficos do departamento regional de Tubarão, SC
Autor(es): Thomazi, Bianca
Orientador: Pereira, Carla Jovania
Tipo de material: Monografia
Data: 2018
Palavras-chave: Inspeção
Suinocultura
Salmonelose
Produtos de origem animal
Modalidade de acesso: Acesso aberto
Resumo: Currently the infection caused by Salmonella is one of the most common and is pointed out as one of the most prevalent among foodborne diseases. This study aimed to evaluate the incidence of Salmonella spp. in pork cuts of establishments with State Inspection Service (SIS), from June 2017 to June 2018. A data collection was performed based on the laboratory reports sent by the laboratories accredited in the aforementioned period. A total of 158 analyzes were evaluated, where 16 reports (10,13%), showed the presence of the pathogen. The meat cuts that were present were: pernil 3.17%, pork without bone cut (1.90%), rib with bone (1.27%), offal shall heart (1.27%), Carré (0.63%), offal shall feet (0.63%), boneless fillet (0.63%) and head (0.63%). The absence of the pathogen was verified in 142 reports that accounted for (89.87%) of the cases.
Atualmente a infecção causada por Salmonella é umas das mais comuns e é apontada como uma das que apresenta maior ocorrência dentre as doenças transmitidas por alimentos. Este estudo teve como objetivo avaliar a incidência de Salmonella spp. em cortes de carne suína dos estabelecimentos com Serviço de Inspeção Estadual – SIE, no período de junho de 2017 a junho de 2018. Foi realizado um levantamento de dados a partir dos laudos laboratoriais encaminhados pelos laboratórios credenciados no período supracitado. Foram avaliados um total de 158 análises, sendo que 16 laudos (10,13%), apresentaram presença do patógeno, nos seguintes cortes respectivamente: Pernil (3,17%), carne de suíno sem osso recorte (1,90%), costela com osso (1,27%), miúdos coração (1,27%), Carré (0,63%), miúdos pés (0,63%), filé mignon sem osso (0,63%) e cabeça (0,63%). A ausência do patógeno foi verifica em 142 laudos que contabilizou (89,87%) dos casos.
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC_Bianca Thomazi.pdfTCC_Bianca Thomazi673.46 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons