Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/14154
Título: Tecnologias educacionais: o uso das TICs durante a pandemia e suas possibilidades de aplicação nas aulas de educação física
Autor(es): Rabelo, Igor Francisco Santos
Orientador: Ramos, Tiago de Melo
Tipo de material: Monografia
Data: 1-Jul-2021
Palavras-chave: Educação
Educação física
Pandemia
TICs
Modalidade de acesso: Acesso aberto
Resumo: As Tecnologias de Informação e Comunicação estavam sendo incluídas na educação de forma lenta, mas com a pandemia do Covid-19 houve um impacto que provocou a interrupção das aulas presenciais e continuidade somente através dessas ferramentas. Elas eram pouco utilizadas nas aulas de Educação Física, visto que, muitas vezes, esse componente curricular é visto como meramente um horário de prática corporal, não havendo espaço para outras atividades. Contudo, pode haver diferentes formas de trabalhar essas tecnologias junto à cultura corporal de movimento. Em relação às aulas remotas, é preciso identificar como estão acontecendo as aulas de Educação Física, especialmente, os instrumentos utilizados e conteúdos propostos, pois a ruptura das aulas presenciais descaracterizou suas principais atividades, antes pautadas no movimento e interação entre os sujeitos, que foi impedido devido à necessidade de distanciamento social. Mediante o exposto, o objetivo almejado é identificar o uso das TICs, durante a pandemia, traçando suas possibilidades da aplicação como metodologia de ensino nas aulas de Educação Física. Para tanto, é preciso discutir o papel das tecnologias educacionais como metodologias e ferramentas de ensino para um novo modelo de educação no Brasil; identificar as plataformas e ambientes digitais mais usados pelos professores de Educação Física; apresentar os ganhos e perdas da disciplina de Educação Física no uso das TICs durante a pandemia e averiguar as limitações e potencialidades do uso das TICs nas aulas de Educação Física em um contexto de aulas remotas e presenciais. Deste modo, foi adotada uma metodologia descritiva exploratória numa abordagem qualitativa com aplicação de questionário aos professores de Educação física, excluindo aqueles que não trabalham com a disciplina e incluindo os formados em outra área ou sem formação completa, mas que trabalham com a Educação Física no município de Paripiranga/BA. As informações foram categorizadas em três etapas: formação acadêmica e conhecimento a respeito das TICs; TICs e estratégias mais utilizadas durante as aulas remotas; dificuldades pedagógicas e conteúdos da Educação Física trabalhados. Logo após a sistematização categórica, foram organizadas em tabelas e gráficos para melhor análise e assimilação do leitor. Com isso, foi identificado que necessitam de melhores formações para manusear as TICS, como também, dos principais aparelhos e aplicativos utilizados, respectivamente: Celular, Notebook; Youtube, Google Forms, Google Meet e o Whatsapp. Além disso, foi percebido que houve adaptação dos conteúdos à nova realidade dos alunos, bem como foi destacado os conteúdos mais abordados: a ginástica e a atividade física, seguido pelos esportes. Assim, conclui-se que as possibilidades do uso das TICs nas aulas de Educação física no município forma limitadas devido à falta de acesso as ferramentas tecnológicas, como também, a pouca instrução dos professores contribuíram. Ademais, é preciso mais ambientes de formação para os professores, como também, maiores condições de acesso à tecnologia básica para os alunos, principalmente nas escolas, pensando em uma pós-pandemia, para que haja maiores possibilidades nas aulas de Educação Física.
Aparece nas coleções:Educação Física - Licenciatura



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons