Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.animaeducacao.com.br/handle/ANIMA/14641
Título: A instrução aeronáutica civil brasileira: adequação às boas práticas internacionais
Autor(es): Weber Costa, David
Orientador: Silva, Orlando
Tipo de material: Monografia
Data: 15-Jul-2021
Palavras-chave: Piloto privado
Instrução aeronáutica
Regulação aeronáutica
Programas de instrução
ANAC
FAA
EASA
Modalidade de acesso: Acesso aberto
Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo geral refletir sobre as boas práticas no âmbito dos programas de instrução da Federal Aviation Administration (FAA) e European Union Aviation Safety Agency (EASA) que podem ser incorporados ao programa de instrução aeronáutico civil brasileiro com o intuito de aprimorá-lo e enriquecer o conhecimento aeronáutico dos candidatos. Ademais, foram explicitados os requerimentos mínimos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), FAA e EASA para a concessão da licença de Piloto Privado de avião com o intuito de compará-los ao final do estudo e entender suas diferenças e semelhanças e o que pode ser mais benéfico para a regulação do programa de instrução brasileiro. A pesquisa deu-se por meio exploratório bibliográfico, documental, análise de manuais de curso aprovados pela ANAC, FAA, EASA e legislação apropriada de todas essas agências. Ao finalizar a pesquisa, concluiu-se que a ANAC está exercendo um trabalho de modernização e adequação dos regulamentos aeronáuticos brasileiros. Dessa forma, ela busca tornar a aviação civil nacional mais condizente com o atual cenário da aviação mundial e com as boas práticas existentes em outros órgãos ao redor do mundo.
Aparece nas coleções:Ciências Aeronáuticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DAVID WEBER COSTA - TCC.pdf322.58 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons